Nossa leitora Simone escreveu pedindo dicas para futuras esposas. Ela trabalha de segunda à sexta-feira sai de casa 05h20 e chega por volta das 18h00 e sábado trabalha até 12h00. No e-mail ela ela mencionou que conheceu o método flylady,  que é um método americano que ensina dicas domésticas e de organização, e que recomenda que façamos uma coisa a cada dia. Já pensou a Simone chegando em casa sábado de tarde ou acordando domingo de manhã depois de uma semana puxada e ainda fazer faxina na casa inteira? Ninguém merece! A minha impressão é que a Simone não vai contar com a ajuda de uma diarista ou faxineira. Então vamos lá! Acompanhe as dicas para as futuras esposas e saiba como planejar sua rotina e conciliar a vida de casada.

 

#1. Conheça bem seu futuro marido (e suas expectativas)

A primeira coisa a saber é se o futuro Marido é machista ou não? Ou seja, ele vai te ajudar em casa ou vai esperar o prato de comida assistindo futebol e bebendo cerveja? Tomara que ele seja do tipo que divide as tarefas, já que ambos trabalham. Quando digo dividir as tarefas não precisa escravizar o marido, mas ele pode ajudar com tarefas básicas, por exemplo:

  • Arrumar a cama;
  • Tirar o lixo;
  • Lavar a louça do jantar;
  • Ir ao supermercado.

 

#2. Tenha uma rotina diária

Tenha uma rotina pré-estabelecida e determine para cada dia da semana a limpeza de um cômodo da casa. Normalmente apartamentos ou casas de tamanho padrão tem sala de jantar/estar, cozinha e lavanderia, quarto(s) e banheiro(s). Você pode dividir as áreas de casa de acordo com os dias da semana para fazer limpeza, o manter a ordem no restante dos dias.

Exemplo de lista com a rotina diária:

Segunda-feira

  • 4h45 – levantar e arrumar a cama
  • 4h5o – tomar banho e se arrumar
  • 5h10 – tomar café
  • 5h15 – lavar a louça que está na pia
  • 5h20 – sair para trabalhar
    TRABALHO
  • 18h00 – Lanche rápido
  • 18h10 – Lavanderia. Ex: lavar lençóis e toalhas
  • 18h15 – Limpeza do cômodo. Ex:Limpar cozinha e lavanderia
  • 19h15 – Prepar o jantar. Ex: Panqueca de carne com molho branco
  • 20h00 – Jantar
  • 20h30 – Lavar a louça
  • 20h45 – Se preparar para o dia seguinte
  • 21h00 – Assitir tv, ler e dormir cedo.

 

#3. Tenha uma rotina para a lavanderia

Lavar a roupa todos os dias é uma excelente estratégia para ter tudo sempre limpo e não deixar acumular. É claro que devemos sempre levar em consideração o volume de roupa suja que a casa produz e adaptar.  Veja o exemplo:

  • Segunda-feira –  Lençóis e toalhas
  • Terça – feira – Roupas claras e escuras
  • Quarta-feira – Panos de prato e toalhas de mesa
  • Quinta-Feira – Passar roupa
  • Sexta-feira -Panos de limpeza

 

#4. Planeje um cardápio semanal (ou quinzenal)

Dependendo da quantidade de vezes que você irá ao mercado no mês e a capacidade de armazenamento do freezer, geladeira e despensa da sua casa, pois com auxílio do cardápio no caso para o jantar e café da manhã, é perfeitamente possível fazer uma lista de compras objetiva evitando o desperdício no mercado, além de saber exatamente o que será preparado, pois na hora da correria, canseira e stress não saber o que cozinhar é extremamente irritante ou desesperador. O mercado pode ser feito por você e/ou seu marido no fim de semana ou ainda você pode fazer compras on-line na sua hora de almoço por exemplo, o preço é igual ao do mercado, eles cobram uma pequena taxa de entrega mas se a gente pensar no trânsito para chegar ao mercado, nas besteiras que compramos quando estamos no mercado e que engordam o preço final do ticket, na fila do caixa e no combustível gasto, essa taxa muitas vezes compensa o esforço físico e mental feito no mercado.

 

#5. Tenha algum tempo livre

Se você seguir a lista e construir uma rotina semanal, no fim de semana sobra tempo pra namorar, visitar os parentes, ir ao salão de beleza, ir a igreja, pegar um cineminha, e tudo mais que você precisar.

 

#6. Oriente seu marido com amor e elogie sempre

Bom, como disse lá em cima não precisa escravizar o marido para realizar as tarefas do lar, mas uma ajudinha faz bem. Já diz o ditado: “Muito ajuda quem não atrapalha!” Se o marido faz o tipo preguiçoso e não quer ajudar, você só precisa treiná-lo, que dizer ensiná-lo a realizar coisas simples que facilitarão muito o seu dia a dia.

Ensine:

  • Estender a toalha molhada no banheiro;
  • Colocar a roupa suja no cesto;
  • Colocar a louça suja dentro da pia;
  • Limpar os pés ao entrar em casa;
  • Abaixar a tampa do vaso sanitário
  • Jogar embalagens no lixo
  • Não deixar as coisas espalhadas pela casa;
  • Pendurar as roupas no armário
  • Guardar os calçados.

 

Se você é feminista e indignou-se com o conselho acima, certifique-se que o futuro marido irá ajuda-lá ou então que ele ou você ganhem o suficiente para pagar uma faxineira ou mensalista, ou melhor ainda, talvez seja boa ideia fazer um acordo pré-nupcial e incluir uma cláusula sobre a divisão das tarefas domésticas (péssimo conselho).

 

Tem alguma dica para simplificar a vida? Deixe um comentário.

Leia + Rotina para mamães que trabalham fora

 

Acompanhe também as novidades no Instagram e Facebook. Até a próxima!

Paula é Designer de interiores, personal organizer, publicitária e blogueira. Acredita que a organização melhora a qualidade de vida e que menos é mais sempre. Ama design, decoração, moda, gastronomia e viagens!

Comments

Show Buttons
Hide Buttons