Roupa íntima é um assunto delicado! Você sabe cuidar da roupa íntima? Separamos algumas dicas de como organizar roupa íntima e lavar.

 

#1. Revise

Antes de organizar as roupas íntimas, é preciso fazer a revisão de todas as peças e descartar aquelas que já não apresentam boas condições. Revise sua gaveta de roupas íntimas, pegue um saco de lixo e se livre de tudo que estiver velho, furado, com bolinha, manchado. Lembre-se que roupa intima é uma das poucas coisa se nunca deve ser repassada, portanto, pegue uma tesoura e corte todas as peças.

 

 #2. Separe

  • Estabeleça como critério a freqüência de uso e Separe as peças do dia a dia e das ocasiões especiais.
  • Separe calcinhas, meias, sutiens, camisolas, etc.
  • Organize as peças por cor.

 

#3 . Planeje o espaço

Destine a primeira gaveta do seu armário para peças íntimas, afinal é preciso facilitar o acesso das peças que usamos diariamente. Comece limpando a gaveta, e se desejar a gaveta pode ser forrada para proteger as peças. O ideal é um forro de algodão, que deve ser lavado regularmente.  Caso não tenha gavetas disponíveis, opte por guardas as peças em caixas ou cabides especiais guardar as roupas íntimas.

 

#4. Dobre as calcinhas

Para ganhar espaço, a sugestão é dobrar as calcinhas formando uma espécie de pacotinho, como um envelope:

  1. abra a calcinha;
  2. vire a calcinha para trás;
  3. dobre a ponta esquerda para dentro até fazer uma linha reta;
  4. faça o mesmo com a ponta direita;
  5. certifique-se que a peça esteja o mais parecido possível com um retângulo;
  6. pegue a ponta inferior (2/3 do comprimento) e dobre por trás;
  7. envolva a ponta que sobrou por dentro do elástico da calcinha/cueca;
  8. guarde a calcinha em pé na gaveta, virada para a frente.

 

#5. Saiba como guardar sutiã

Sutiãs de bojo com armação que não dobra, devem ser guardado em pé e enfileirado com os de mesmo modelo. Os outros modelos ser dobrados de forma que um bojo se encaixe dentro do outro, se desejar as calçinhas que formam conjunto podem ser guardadas dentro desse bojo.

 

#6. Aprenda a dobrar meias

Meias dever ser dobradas como envelopes e não emboladas. Veja aqui o vídeo onde a Guru da organização Marie Kondo ensinando como dobrar meias.

 

 

#7. Camisolas e baby dolls

As camisolas e outras peças de seda podem ser penduradas em cabides ou guardadas em caixas, pois o tecido não sustentam a dobra.

 

#8. Use organizadores

Utilize colmeias dentro das gavetas para facilitar a organização e visualização das peças.

 

Lavagem

Na hora da lavagem, não dá simplesmente para jogar as peças na lavadora e deixar que a máquina faça o trabalho. Saiba como cuidar da roupa íntima na hora de lavar e conserve as peças por mais tempo.

 

#9. Não lave na máquina

Não é recomendado lavas as roupas íntimas na máquina, pois as peças requerem cuidados especiais em função de terem contato com áreas de maior umidade, propícias à proliferação de fungos e bactérias passíveis de causar irritações e, em casos mais raros, infecções. Por isso, devem ser lavadas com detergentes líquidos específicos para este tipo de peça. Existem vários no mercado várias marcas.

 

#10. Não misture com outras peças

Segundo o artigo “Aplicações da avaliação quantitativa do risco para formular a política de higiene no ambiente doméstico” (Journal of Infection, 2001), só lavar as roupas não mata os germes. E. Coli, Salmonella e outras bactérias continuam nas roupas e na cuba da máquina. A secadora mata quase todos os E. Coli, mas não a Salmonella NE e o Mycobacterium fortuitium, um microorganismo comum, que causa infecções na pele. É recomendável usar um alvejante à base de cloro líquido e água quente para lavar as roupas íntimas. Lembre-se: a mesma máquina que lava essas roupas, também lavará panos de prato e toalhas de banho e rosto.

 

#11. Não misture peças de algodão  e lycra

Evite misturar as peças de algodão e lycra, pois isso diminui a vida útil da Lycra. O algodão não recebe agressão da Lycra, ao contrário do que acontece à Lycra quando misturada com algodão.

 

#12. Não esqueça as peças de molho

O tempo ideal de molho é de uma hora. No caso de roupas muito sujas, deixe de molho da noite para o dia. Se necessário, troque a água. Se a peça for ficar no molho, separe-as por cor, grau de sujeira e tipo de tecido. Antes de colocar de molho verifique se a cor do tecido é firme para não desbotar e nunca misture roupas brancas com roupas de cores firmes e fortes. Deixe as peças soltas o máximo possível para que o detergente em pó ou líquido possa agir da melhor forma.

 

#13. Lavando as peças no chuveiro

A lavagem das roupas íntimas no chuveiro é recomendável porque a limpeza com água quente é imediata. Use detergente líquido específico para este fim. Deixe um recipiente pequeno no banheiro para que a peça íntima fique de molho durante o banho e antes de terminar o banho finalize a limpeza.

 

#14 . Como clarear peças encardidas

Use branqueador  à base de oxigênio (como vanish) que oferece uma ação mais suave que a do cloro, o que torna seguro para a maioria dos tecidos coloridos laváveis  e não danifica as peças.

 

#15. Como remover manchas

  • Manchas em geral  – Bicarbonato de Sódio, que é um reforçador do sabão natural.
  • Manchas de sangue – Água oxigenada 10 volumes.
  • Manchas de gordura – Vinagre branco.
  • Manchas de bolor e umidade – Limão.

 

Tem mais alguma dica de como organizar roupa íntima? Deixe um comentário!

Leia + Como organizar o guarda roupa